Blog de Treinamento e Desenvolvimento Organizacionais

Like this blog?

Subscribe to get more articles.

Trabalho em equipe: subgrupos com papéis claramente definidos

Por Ian Cornett em 06 de Julho de 2018

O que torna o trabalho em equipe uma ferramenta tão valiosa na resolução de problemas nas empresas? Nós poderíamos dizer que o foco da equipe em alcançar um único objetivo é o diferencial que torna os grupos tão poderosos.

Infelizmente, o objetivo inicial de uma equipe pode ser maior ou mais difícil do que foi considerado a princípio. É aí que entram em ação os subgrupos. Formar subgrupos com papéis claramente definidos divide aquele objetivo grande e difícil em passos menores. Isso traz eficácia e clareza para a equipe como um todo.

Uma equipe dentro de uma equipe

A primeira regra dos subgrupos é que cada subgrupo deve funcionar como uma equipe normal. Todos os componentes para o trabalho em equipe bem-sucedido devem estar presentes em cada subgrupo:

  • O líder de um subgrupo que assume total responsabilidade pelos resultados
  • Foco unânime em um objetivo claramente definido
  • Compartilhamento de recursos
  • Comunicação eficaz e frequente entre membros do subgrupo

O objetivo da formação de subgrupos dentro de uma equipe é deixar a comunicação mais fácil e mais eficaz. Dividir a equipe em grupos menores dará a mais membros a chance de contribuir, principalmente se eles forem mais reservados para fazer isso em um grupo maior. Em subgrupos menores, existe menos competição para fazer sua voz ser ouvida.

O objetivo de um subgrupo também tem uma atenção maior do que o objetivo da equipe geral. Isso significa que não é necessário acionar demais as pessoas com cargos mais altos, que estão mais interessadas na “visão geral”. Em vez disso, os membros do subgrupo com conhecimento especializado conduzirão o subgrupo em direção ao objetivo.Teamwork_in_the_Workplace-_Clearly_Defining_Roles_for_Subgroups-2

Subgrupos como equipes subordinadas

Enquanto um subgrupo bem-sucedido funcionar como uma equipe, seus membros não podem esquecer que seu objetivo faz parte do objetivo maior da equipe. É comum as pessoas de um subgrupo enxergarem suas tarefas como mais importantes do que elas são quando seus membros estão focados em alcançar o objetivo do subgrupo. Infelizmente, é tentador acabar dominando os recursos às custas dos outros. Para evitar que os subgrupos sequestrem a missão maior, os líderes dos subgrupos devem se reportar regularmente ao líder da equipe geral. Isso serve de lembrete constante de como os objetivos do subgrupo se encaixam no propósito maior da equipe.

Descubra os segredos para formar e liderar  equipes de alta performance. Faça o download do projeto.

Além disso, subgrupos podem querer atrair mais membros — não separados da equipe maior — para ajudar com a missão do subgrupo. Novos membros do subgrupo devem ser convidados apenas se quiserem ser uma parte da equipe maior. Isso inclui participar de todas as reuniões de equipe e compartilhar recursos. Por isso, os subgrupos devem ter cautela ao chamar um novo membro para a equipe, a menos que absolutamente necessário. Se todos os subgrupos adicionarem novos membros, a equipe como um todo aumentaria muito seu tamanho! Enquanto o trabalho em equipe leva a grandes avanços, as equipes trabalham melhor quando são ágeis e focadas, não quando são maiores.

Como formar um subgrupo

Os líderes normalmente abordam a formação de um subgrupo de duas maneiras diferentes: por função ou por tarefa.

Subgrupos funcionais

Quando os subgrupos são formados de acordo com as funções, todos os membros são de cargos similares ou do mesmo departamento. Um exemplo é um subgrupo financeiro e um subgrupo de marketing, que fazem parte de um projeto maior de reformulação da marca.

Subgrupos práticos

Subgrupos formados de acordo com as tarefas geralmente incluem membros que desempenham funções diversas. Isso é preferível porque subgrupos baseados em tarefas têm objetivos voltados para a ação que devem ser finalizados antes de a equipe dar o próximo passo.

Não significa que um subgrupo não estará focado na função de alguma maneira. Por exemplo: um subgrupo pode ser formado para analisar e reavaliar certos objetivos financeiros em um hotel. Definitivamente, alguns membros desse subgrupo se adaptarão a um papel do financeiro, mas o subgrupo também precisa incluir outros membros que serão afetados e pode ajudar a moldar o resultado do subgrupo. Um membro do grupo Atendimento aos Hóspedes pode opinar sobre como certos cortes financeiros afetariam o nível do atendimento que o hotel pode oferecer.

Para o trabalho em equipe ser mais eficaz, os subgrupos e as suas tarefas devem ser decididos pela equipe inteira perto do início do projeto da equipe. "Subgrupos com papéis claramente definidos" é um elemento crucial para o sucesso do subgrupo.  

Se você perceber que muitas características do trabalho em equipe bem-sucedido estão presentes na sua empresa — boa comunicação, objetivo claro e liderança eficaz —, mas suas equipes ainda tiverem problemas, a causa pode ser a falta de subgrupos dentro das suas equipes.

Como seriam os subgrupos em uma das suas equipes atuais?
projeto-organizacional-para-formar-e-liderar-equipes

Lorem Ipsum

more information

Get Your Guide

0 Comentários Seja o primeiro a comentar!